quarta-feira, 13 de abril de 2011

Verbete: sexo

Alone Gut
1. marca de sapatinhos de lã azuis ou cor-de-rosa; 2. aquilo naquilo, naquela ou naqueloutro; 3. espécie de polvo que comumente habita lençóis ou tapetes e pode ter entre 8 e 960 tentáculos; 4. conglomerado intercontinental que fabrica “uis”, “ais”, “ohs” e afins em 1257 idiomas; 5. irmão siamês do tesão; 6. antônimo de cadáver (exceto para necrófilos); 7. momento que antecede sonhos em technicolor; 8. festa no céu; 9. o homicídio do hímem; 10. animalzinho que se alimenta de feromônios; 11. esconde-esconde em versão de adultos; 12. tranqüilizante natural à base de gemidos; 13. matéria-prima das sex-shops; 14. um dos apelidos do amor; 15. o pai de todas as guerras; 16. nômade que acampa em tendas iluminadas com neon, à beira da estrada; 17. motivo de dúvida e inquietação entre a classe angelical; 18. na geometria clássica, o encaixe perfeito entre côncavo e convexo; 19. na astrofísica, instante em que nascem os corpos celestes; 20. primeiro estágio da gravidez; 21. segundo Freud, o que leva o homem a chupar chupeta; 22. na economia moderna, bem complementar ao látex; 23. um dos motivos pelos quais elevadores ficam presos entre dois andares; 24. Gênese. (Ex.: “Acolhe-me em teu sexo, moça de sorriso largo, para que a vida seja a fusão entre duas meias-mortes e, o futuro, algo guardado no bolso traseiro esquerdo de um jeans despido e esquecido por sobre a mesa do jantar".)

André Gonçalves, in: Coisas de Amor Largadas na Noite. Ed. Ideias Inc.

5 comentários:

  1. Belíssimo texto. Amei. bjs

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkkkkkkkkkkk
    Amei o texto!

    ResponderExcluir
  3. Querida, muita saudade de você!

    Andei meio doente, mas agora já me tratando e melhor!

    Espero que esteja tudo bem por aí...

    Um beijo de saudade e carinhos,
    Mell

    ResponderExcluir
  4. adoro este dicionário!
    bjxx

    ResponderExcluir