sábado, 16 de junho de 2012

Rebecca Rebouché


nem sempre foi assim
eu não tinha areia nos olhos
nem neblina

Líria Porto

4 comentários:

  1. Tão bom se o sempre fosse para sempre, parafraseando Renato Russo...

    Abraço do Pedra

    ResponderExcluir
  2. s sombra das coisas que nos tornamos, e que por algum motivos devemos explicar.

    beijo pra vc!

    ResponderExcluir
  3. CONVITE

    Primeiro, eu vim ler o seu blogue.
    Agora, estou lhe convidando a visitar o meu, e se possivel seguirmos juntos por eles. O meu blogue, é muito simples. Mas, leve e dinamico. Palpitamos sobre quase tudo, diversificamos as idéias. Mas, o que vale mesmo, é a amizade que fizermos.
    Estarei grato, esperando VOCÊ, lá.
    Abraços do
    http://josemariacostaescreveu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. jenifer - este espaço - o teu reino - é o lugar onde mais gosto de estar na net - aqui e no escritoras suicidas. besossssssssssssss

    ResponderExcluir